RetençãoLiquido_AdobeStock_49796141

Retenção de líquido: é importante estar atenta

A retenção de líquido é um problema de saúde representado pelo excesso de água no corpo, e muito comum entre as mulheres. Também chamada de “edema”, acontece quando o corpo retém mais líquido do que o necessário. Pode ficar localizada nos membros inferiores ou superiores, entre eles tornozelos, pernas, mãos e barriga.

Além de prevenir, é possível detectar a retenção de líquidos. Para isso, basta observar as mãos, os pés, a barriga, as pernas e as proximidades do tornozelo. Se essas regiões persistirem inchadas por muito tempo, converse com um médico, principalmente se os inchaços ocorrerem fora do período de gravidez e da menstruação.

É importante saber que a retenção de líquido é um problema cujas consequências podem não ser apenas estéticas. Além de causar inchaços e agravar quadros de celulite, ela pode ser fonte de outros desconfortos, como dores no corpo, desconforto intestinal, estresse e severas alterações hormonais.

A seguir, entenda o que pode causar a retenção de líquido.

  • Tensão pré-menstrual: nesses dias, o excesso de progesterona pode fazer com que edemas se acumulem nos seios, na barriga e nas coxas, por exemplo. Pelo mesmo motivo, anticoncepcionais com excesso de progesterona também podem agravar o inchaço.
  • Sedentarismo: quem leva uma vida sedentária não estimula a circulação como deve, o que pode piorar o quadro de edema.
  • Pouca ingestão de líquidos: principalmente água. Quanto menos água você toma, mais seu corpo a retém, como forma de prevenção à desidratação.
  • Excesso de sódio: alimentos com sal ou sódio em excesso prejudicam o equilíbrio hídrico do organismo, provocando a retenção hídrica e piorando a pressão arterial.

Se você está percebendo inchaços no corpo, o primeiro passo é visitar um médico para tratar esse problema e descartar qualquer doença mais grave.

1 comentário em “Retenção de líquido: é importante estar atentaAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *