menopausa-conheca-alguns-truques-para-aliviar-os-sintomas

Menopausa: conheça alguns truques para aliviar os sintomas

Quando a menopausa chega na vida das mulheres é mais do que normal que ocorra uma bagunça hormonal, fazendo com que o corpo tenha mudanças no dia a dia e sintomas específicos. No geral, a partir dos 35 anos algumas mulheres já começam a sentir indícios que demonstram a chegada da menopausa.

O que muitas mulheres não sabem é que alguns truques podem fazer com que os sintomas sejam reduzidos, impactando menos na rotina. Uma das principais reclamações das mulheres aos ginecologistas é o famoso calorão. Ele ocorre devido a baixa produção de hormônios nessa fase, fazendo com que o corpo fique confuso e entenda de forma errada a temperatura. Outra reclamação muito presente é a insônia, que na maior parte das vezes está acompanhada do calorão durante as noites.

Uma rotina mais saudável pode reduzir pela metade os sintomas da menopausa, tornando essa fase mais tranquila para as mulheres. Confira algumas dicas que poderão ajudar.

  1. Seguir uma dieta com menos doces e mais frutas. Com o metabolismo mais lento, é essencial que a mulher respeite o ritmo da digestão com uma alimentação mais leve.
  2. Buscar praticar hobbies e sair com os amigos. Durante a mudança hormonal, algumas mulheres tendem a se sentir mais deprimidas. Por isso, manter a qualidade de vida social é essencial.
  3. A prática de exercícios físicos pode ajudar muito também. Seja uma caminhada tranquila ou até mesmo subir escadas, exercitar o corpo ajuda a preservar os músculos e a evitar problemas no coração.
  4. Evitar ao máximo o consumo de bebidas alcoólicas também ajuda a diminuir os sintomas da menopausa e os riscos de câncer.
  5. Ter uma boa ingestão natural de vitaminas C e B12 ajuda na saúde do organismo em geral e melhora o sistema neurológico, deixando o corpo preparado para lidar de uma forma melhor com alguns sintomas da menopausa.

1 comentário em “Menopausa: conheça alguns truques para aliviar os sintomasAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *