exames ginecológicos

Ultrassonografia Transvaginal com preparo intestinal. Tudo sobre o exame

A Ultrassonografia Transvaginal com preparo intestinal é um exame comumente solicitado por…

A Ultrassonografia Transvaginal com preparo intestinal é um exame comumente solicitado por ginecologistas. Então, se você nunca o fez, não há o que temer. Para tranquilizar você, que está para fazê-lo, conversamos com a Dra. Viviane Lopes, mestre em obstetrícia pela Unifesp – Escola Paulista de Medicina e coordenadora responsável pelo setor de ultrassonografia do Femme – Laboratório da Mulher.

 

Doutora, para quê serve a Ultrassonografia Transvaginal com preparo intestinal?

 

Este ultrassom, também chamado de US transvaginal para endometriose, tem como objetivo a identificação da presença de endometriose ovariana e identificação e localização das lesões endométricas profundas ou infiltrativas (que penetram mais de 5 mm abaixo do peritônio) da região retrouterina, retossigmoide e do septo retovaginal. Estima-se que ocorra em aproximadamente 15% das mulheres na idade reprodutiva e em até 30% das mulheres inférteis.

 

Para realizar este tipo específico de ultrassom, o médico deve ter o conhecimento específico da doença, experiência com a técnica ultrassonográfica, aparelho de ultrassom adequado. O exame apresenta taxa de detecção de 98% para identificação de endometriose acometendo o retossigmoide e de 95% para endometriose profunda na região retrocervical.

 

E como é feita a Ultrassonografia Transvaginal com preparo intestinal?

 

Para a realização deste exame é necessário realizar previamente o “preparo intestinal”, que proporciona uma redução significativa do resíduo intestinal, principalmente do cólon sigmóide e do reto, para melhor visualização destas estruturas. Esse exame é realizado por via transvaginal e pode ser necessária a introdução de gel vaginal para a melhor caracterização de possíveis focos de endometriose nas paredes vaginais.

 

Como devo me preparar para a Ultrassonografia Transvaginal com preparo intestinal?

 

Como dito anteriormente, é necessário a paciente realizar um preparo intestinal, que consta de dieta e laxante via oral no dia anterior ao exame e enema retal uma a duas horas antes do exame.

 

A Ultrassonografia Transvaginal com preparo intestinal causa algum desconforto?

 

O que pode incomodar mais a paciente é o tempo do exame, que é maior que do ultrassom transvaginal simples, pois além de ver útero e ovários, realiza-se também o estudo específico da endometriose, que será mais demorado conforme o número e a extensão das lesões. Outro fator que pode incomodar um pouco é que pode exigir uma maior movimentação do transdutor, em decorrência da avaliação de segmentos específicos, como por exemplo, as paredes do reto.

 

 

Não deixe de se consultar com seu médico regularmente e faça seus exames de rotina em um local com alta tecnologia e atendimento humanizado. Faça seu pré-agendamento no Femme – Laboratório da Mulher, através do nosso site, telefone (11 3050-9043) e aplicativo para Android e iOS.

ultrassonografia

Ultrassonografias: Saiba quais exames você pode fazer no Femme

Uma ultrassonografia, também chamada de ecografia ou ultrassom, nada mais é do…

Uma ultrassonografia, também chamada de ecografia ou ultrassom, nada mais é do que um exame que faz uso do eco de ondas ultrassônicas de alta frequência para gerar imagens de órgãos internos ou de um bebê no ventre da mãe.

São exames rápidos e muito mais seguros do que uma radiografia, por exemplo, porque não faz uso de radiação.

Há ainda o Doppler, que utiliza o mesmo princípio para criar imagens e sons do fluxo sanguíneo das artérias e veias.

No Femme – Laboratório da Mulher, você pode realizar uma série de exames de ultrassom, a partir de pedidos do seu médico:

  • Ultrassom de abdômen superior
  • Ultrassom de abdômen total
  • Ultrassom de mamas
  • Ultrassom transvaginal
  • Ultrassom pélvico
  • Ultrassom de rins e vias urinárias
  • Ultrassom de tendões, músculos e articulações
  • Ultrassom de tireoide
  • Ultrassom das vias biliares
  • Ultrassom de glândulas salivares/cervical
  • Ultrassom fontanela/crânio
  • Ultrassom quadril
  • Ultrassom específico para endometriose
  • Ultrassom específico para endometriose com preparo intestinal
  • Doppler
  • Doppler de carótidas
  • Doppler de membros inferiores/superiores unilateral
  • Doppler transvaginal

No site do Femme você pode pré-agendar os exames e ver qual a preparação necessária para cada um deles.

mulher em consulta médica

Saiba quais exames de rotina toda mulher deve fazer

  Sua saúde merece um cuidado todo especial. Essa é uma preocupação…

 

Sua saúde merece um cuidado todo especial. Essa é uma preocupação do Femme – Laboratório da Mulher, desde sua fundação. Toda mulher, desde o início da vida sexual até a pós-menopausa, precisa ir ao ginecologista pelo menos uma vez por ano e, a pedido do médico, realizar exames femininos de rotina periodicamente. Veja alguns deles:

 

Papanicolau (Colpocitologia Oncótica)

É a coleta de material do colo do útero para análise em laboratório. O exame é muito importante e deve ser feito regularmente, pois graças a ele, é possível não apenas diagnosticar, mas também determinar o risco que uma mulher tem de desenvolver câncer de colo uterino.

 

Exames de sangue

São tão corriqueiros que muitas acabam se esquecendo de fazer, mas os exames de sangue não devem ser deixados de lado. Eles indicam se devemos nos preocupar com o coração, a tireoide e diabetes.

 

Mamografia

Mulheres com 35 anos ou mais devem fazer uma vez por ano como prevenção ao câncer de mama. Quem tem histórico da doença na família pode começar a fazer o exame ao completar 30 anos de idade.

 

Densitometria Óssea

Exame feito com raios x, que medem a densidade mineral dos ossos, com o objetivo de avaliar se a paciente corre risco de ter osteoporose. Pode ser feito a cada dois anos, se nada foi detectado no último exame.

 

Ultrassom pélvico e transvaginal

Este tipo de ecografia é feito com um transdutor que coleta imagens do interior da vagina, que servem para medir e examinar útero, trompas, colo uterino e ovários, verificando a existência ou não de pólipos, cistos, miomas ou endometriose (doença em que o tecido que envolve o útero é encontrado em local anormal). Também deve ser feito todo ano, após consulta com ginecologista.

 

Estes exames e muitos outros podem ser realizados de forma humanizada e com toda tecnologia nas unidades Femme. Veja qual está mais próxima de você.