moda inverno

Moda Inverno: As Tendências para a Estação

Mesmo quem não gosta do frio há de convir que o inverno…

Mesmo quem não gosta do frio há de convir que o inverno deixa as pessoas mais elegantes nas ruas. Mas pra isso, não basta ir amontoando peças de roupa sobre o corpo. Use o bom senso e aproveite as dicas que compilamos em sites de especialistas fashion.

A principal tendência para este inverno, que já havia sido antecipada pela blogueira Alice Ferraz no ano passado, provavelmente é o veludo.

Em versão “wet” ou não, o material está em casaquinhos, calças, blusas ou até mesmo em acessórios como bolsas e sapatos. Muito presente nos desfiles da última SPFW, o veludo está entre as indicações das revistas “Vogue” e “Glamour”.

moda inverno veludo

Já o site We Fashion Trends sugere a combinação do veludo molhado com rendas. E o blog Just Lia, de Lia Camargo, recomenda usar peças de veludo com jeans e camisetas estampadas, buscando contraste.

Peças com toque metalizado, em saias e jaquetas de tecidos como o lamê, também são in. A “Glamour” recomenda combinações com sobreposições incomuns, com misturas de estampas e cores. Perfeitas para a noite, tornam-se estilosas para o dia-a-dia em conjunto com peças mais neutras, recomenda Lia Camargo.

Moda é atitude

Camisetas com frases, além de uma forma de expressão, estão com tudo nesta estação, com uma inspiração nos anos 1990. Vintage ou não, elas estão nas listas de tendências da “Glamour” e da “Vogue”. Mas lembre-se, escolha com uma frase que tenha significado para você, afinal, moda é atitude!

Transparências, com rendas em estilo romântico, também não saíram de moda. O toque retrô, indica a “Glamour”, inclui sobreposições com vestidos e blusas de alcinha, estilo camisola.

Entre os acessórios, os brincos “statement”, ousados, divertidos, coloridos e assimétricos, adornam e dão um brilho todo especial ao rosto. As versões com formato de esferas são o must, de acordo com a “Vogue.”

E lembre-se, além de deixar você mais bela, as roupas têm a função de proteger nosso corpo do frio. Portanto, vista-se de acordo com a temperatura, para evitar doenças comuns no inverno.

Não deixe de se consultar com seu médico regularmente e faça seus exames de rotina em um local com alta tecnologia e atendimento humanizado. Faça seu pré-agendamento no Femme – Laboratório da Mulher, através do nosso site, telefone (11 3050-9043) e aplicativo para Android e iOS.

 

mamotomia

Mamotomia: Tudo o que você precisa saber sobre o exame

Exames como a mamotomia são importantes para que nós mulheres descubramos e…

Exames como a mamotomia são importantes para que nós mulheres descubramos e tratemos doenças que podem trazer sérias consequências para nossa saúde.

Para que você saiba tudo sobre a mamotomia, com todas as informações e orientações necessárias para a realização do exame, conversamos com o Profº Dr. Gustavo Machado Badan, coordenador do setor de Procedimentos Intervencionistas de Mamas do Femme – Laboratório da Mulher.

mamotomia

Dr. Gustavo, o que é a Mamotomia?

É um tipo especial de biópsia solicitada para os casos de alterações mamárias suspeitas. Tem o objetivo de estabelecer ou afastar o diagnóstico do câncer de mama. Pode ser feita através da visualização pelo ultrassom, pela mamografia estereotáxica ou até orientada pela ressonância de mamas. A escolha é feita de acordo com o método de imagem em que melhor visualiza a lesão suspeita.

 

Este procedimento é doloroso?

O exame é muito bem tolerado pela grande maioria das pacientes e, após a localização da lesão, é realizada anestesia local. No Femme – Laboratório da Mulher, atenção especial é dispensada ao conforto das mulheres. Se mesmo após a anestesia a paciente sentir dor, é só avisar ao médico que este interromperá o procedimento e fará um reforço na dose do anestésico.

 

No Femme – Laboratório da Mulher, atenção especial é dispensada ao conforto das mulheres. Se mesmo após a anestesia a paciente sentir dor, é só avisar ao médico que este interromperá o procedimento e fará um reforço na dose do anestésico.

Quais as vantagens deste tipo de biópsia?

Permite obter grande quantidade de material, melhorando a precisão do diagnóstico. Diante de resultados benignos, normalmente não há necessidade de cirurgias. Em nossa série, 73,8% dos exames revelaram afecções benignas evitando cirurgias. Além disto, permite que se deixe um “clipe” para demarcar o local biopsiado.

A mamotomia dispensa internação hospitalar e permite rápida recuperação da mulher submetida ao procedimento.

 

O que é o “clipe” deixado na mama após a biópsia e para que serve?

O “clipe” é um marcador, feito de titanium e não faz mal à saúde. Mede cerca de 3,0mm, não há risco de rejeição, é imperceptível, não atrapalha a realização de quaisquer exames e também não “apita” quando a paciente entrar no banco ou no aeroporto, por exemplo.

Serve para demarcar o local da biópsia e, caso a paciente necessite operar, ele será de grande valia na cirurgia. Se o resultado da biópsia for benigno, ele aparecerá nas futuras mamografias e esta região da mama têm uma atenção redobrada pelos médicos que laudam os exames.

 

E qual é o preparo para a Mamotomia?

Não tomar medicações contendo antiagregantes plaquetários como o ácido acetil salicílico (Aspirina, AAS, Melhoral, Buferin ou Somalgin), clopidrogel (Plavix) e Ticlopidina (Ticlid) ou anticoagulantes orais (tais como Marevan, Coumadin ou Varfarin) 5 dias antes do procedimento e 2 dias após o exame, com o consentimento do médico assistente.

Trazer exames anteriores de USG mamária, mamografia e ressonância de mamas, se houver. 

O exame dura aproximadamente 40 minutos e é necessário levar acompanhante. 

Não é necessário jejum.

 

Quais cuidados a paciente deve ter após a Mamotomia?

Evitar exercícios físicos nos 2 primeiros dias após o exame. Evitar molhar o curativo compressivo que será colocado após o exame e retirá-lo após 24h. Aplicar compressas de gelo nas primeiras 24h pode diminuir a formação de hematomas. No caso de dor, o uso de analgésicos comuns geralmente é suficiente.

 

Podem haver intercorrências, doutor?

Apesar de todos os cuidados, é possível a formação de hematomas após a realização do exame. Casos raros de infecções mamárias após o procedimento foram descritos na literatura médica. A equipe de procedimentos de mama está à disposição para resolver qualquer eventual intercorrência e poderá fornecer esclarecimentos adicionais.

 

Não deixe de se consultar com seu médico regularmente e faça seus exames de rotina em um local com alta tecnologia e atendimento humanizado. Faça seu pré-agendamento no Femme – Laboratório da Mulher, através do nosso site, telefone (11 3050-9043) e aplicativo para Android e iOS.

 

Festa Julina

Alimentação saudável e festas julinas combinam?

Com o inverno brasileiro chegam também as quermesses, festas juninas e julinas…

Com o inverno brasileiro chegam também as quermesses, festas juninas e julinas com sua música, brincadeiras, danças e, claro, guloseimas!

Difícil ficar longe de paçocas, pés-de-moleque, pamonhas, pipoca, curaus, canjicas, bolos de fubá ou de mandioca, queijadinhas, pinhões, doces de batata-doce, entre outras delícias.

Por isso, fomos atrás de orientações com o Dr. Paulo Olzon, infectologista parceiro do Femme – Laboratório da Mulher e, no final do texto, aprenda três receitas de versões mais light das gostosuras julinas.

Doutor, dieta e festa julina combinam? Há alimentos de quermesse menos calóricos?

É melhor nessa época do ano dar uma relaxada na dieta. Na verdade algumas coisas podem não atrapalhar tanto, como evitar doces que são servidos nessa época, que contém o açúcar, um carboidrato simples que pode aumentar o peso e também a fome. Nesta época são servidos muitos doces. Obviamente a pipoca não é tão ruim, assim como o amendoim e o milho assado ou cozido.

 

E sobre a ingestão de bebidas quentes com álcool (quentão e vinho quente)? Elas diminuem de fato a sensação de frio no corpo? E aumentam a ressaca?

O quentão, assim como o vinho quente ou outros destilados provocam uma vasodilatação da pele, provocando uma sensação de esquentamento e calor. A ressaca se deve ao excesso de ingestão de bebida alcoólica.

 

É preciso ter cuidados especiais com a alimentação das crianças em quermesses, dr. Paulo?

Não há cuidado especial para as crianças. Como isso só acontece uma vez ao ano, o melhor é deixar a criançada à vontade, comer o que quiser.

 

Receitas para uma festa julina mais leve

festa julina comidas

Pé-de-moleque sem açúcar refinado

INGREDIENTES: ½ xícara de açúcar de coco; ½ xícara de melado de cana; 1 xícara de água; 1 xícara de castanha-de-caju; ½ xícara de amêndoas; óleo de coco.

Junte o açúcar de coco, o melado e a água em uma panela, aquecendo em fogo baixo até virar uma calda, daí acrescente os outros ingredientes e mexa até engrossar. Unte uma forma com óleo de coco e despeje a mistura; depois, deixe por uma hora na geladeira. Pronto! É só cortar e comer.

Bombocado de fubá sem glúten

INGREDIENTES: 2 ovos sem pele da gema; 1 xícara de chá de farinha de arroz sem glúten; 1 xícara de chá de stevia; 1 xícara de chá de fubá orgânico; ½ xícara de chá de óleo de coco; 1 xícara de chá de água; 3 colheres de sopa de coco ralado; 1 colher de sopa de fermento em pó.

Separe o fermento e bata todo o resto no liquidificador até virar uma massa homogênea. Depois acrescente o fermento e bata um pouco, só para misturá-lo. Coloque em uma assadeira no forno a 180º C por cerca de meia hora. Depois é só esperar esfriar e cortar.

Quentão de hibisco sem álcool – diurético e funcional

INGREDIENTES: 1 xícara de chá de hibisco desidratado; 2 colheres de sopa de gengibre ralado; 2 maçãs picadas; 2 colheres de sopa de açúcar de coco; ½ casca de laranja; cravo e canela a gosto.

Ferva dois litros de água e coloque os ingredientes, deixando-os na fervura por mais 15 minutos.

 

Alimentação e saúde caminham juntos. Não deixe de se consultar com seu médico regularmente e faça seus exames de rotina em um local com alta tecnologia e atendimento humanizado. Faça seu pré-agendamento no Femme – Laboratório da Mulher, através do nosso site, telefone (11 3050-9043) e aplicativo para Android e iOS.

 

inverno cuidados mulher

Inverno – Cuidados com a sua saúde e com sua pele

Durante o verão, a preocupação com o sol e o risco de…

Durante o verão, a preocupação com o sol e o risco de câncer de pele, é constante. Também, nos lembramos sempre da hidratação quando a temperatura está mais alta. Mas com a chegada do inverno, quais os cuidados que devemos ter com nosso corpo?

No frio e com o tempo encoberto devemos nos preocupar com os raios ultravioletas emitidos pelo sol? E a hidratação, como fica? Banhos quentes são mais do que convidativos no inverno, mas devo ter cautela com eles?

mulher inverno sol

Buscamos respostas com uma especialista, a Dra. Meire Gonzaga, Dermatologista da SBD – Sociedade Brasileira de Dermatologia, diretora da Derma Master, preceptora da Dermatologia da FMABC – Faculdade de Medicina do ABC.

Doutora, existem cuidados especiais com a pele para dias mais frios?

O inverno chegou e agora que quase ninguém vai ver minha perna, vou dar férias aos hidratantes!!! Pode ser? NÃO, afinal a pele é nossa barreira contra as agressões externas e mantê-la hidratada é o primeiro passo para que permaneça saudável. Os sintomas do ressecamento excessivo vão desde o aspecto esbranquiçado, passando pela coceira e a irritação.

Não se esqueça dos lábios, pois o frio e o vento também os ressecam demais e chegam até a rachar. Podemos usar batons mais hidratantes, emolientes específicos para os lábios contendo D-pantenol.

E as mãos, podem ficar de fora dos cuidados durante o inverno, claro que não, uma vez que usamos água mais quente, usamos mais álcool para higienizar as mãos, as pobrezinhas devem ser muito bem hidratadas.

Por falar na temperatura da água, doutora, e banhos quentes? Quais os problemas causados pela água quente. Como evitá-los?

Ai que delícia, não vejo a hora de tomar um banho quentinho… Frase muito comum nos dias frios, mas devemos tomar algumas precauções, se o banho for quente, ele deverá ser rápido, pois caso contrário os lípides da pele irão, literalmente, água abaixo. Dê preferência aos sabonetes mais suaves e neutros, evite os sabonetes muito detergentes e/ou abrasivos.

Você não resistiu ao banho quente, então deixe a preguiça de lado e capriche na hidratação.

E filtro solar no inverno? Posso diminuir o uso nos dias nublados?

Hoje não tem sol, está chovendo, preciso usar filtro solar? Sim, sempre!!! Não podemos esquecer que a radiação UVA e UVB estão por aí, seja no verão, seja no inverno. Se você gosta de esquiar, lembre-se que a neve queima muito mais que o sol, por isso todo cuidado é pouco quando falamos em fotoproteção, lembre-se ainda que as lesões causadas pelo sol sobre a pele são cumulativas.

Quem nunca se queimou na praia, pois o dia estava nublado e você acreditou que não seria necessário o uso do protetor solar? Pois é, essa é a prova de que a radiação solar continua ali, mesmo com as nuvens.

Atenção com sua saúde. Não deixe de se consultar com seu médico regularmente e faça os exames pedidos por ele em um lugar com tecnologia e atendimento humanizado, que tem nós mulheres como seu propósito. Pré-agende os exames através do nosso site, telefone (11 3050-9043) e aplicativo para Android e iOS.